Buitrago de Lozoya: da Idade Média a Picasso

(post em 01/09/2015)


Quando decidi vir para Espanha foi lançada uma revista chamada “Habla” que, infelizmente, teve vida curta. Assim como sua parente “Speak up”, a revista trazia vários sotaques do espanhol e mostrava artigos de diversos lugares da geografia hispanofalante e me ajudou com o idioma. Apesar de ter sido publicada por um pouco mais de um ano, a revista me apresentou a um dos lugares inesquecíveis na Espanha: Buitrago del Lozoya. O artigo contava sobre o passado medieval da cidade, mas se concentrava no Museu Picasso – Coleção Eugênio Arias. Afinal, Buitrago seria mais um dos muitos pueblos maravilhosos da Espanha se um filho da terra não tivesse sido o barbeiro do mais genial pintor do século passado. Foi o suficiente para que a informação ficasse registrada no meu carregado arquivo de “lugares a visitar”.

Exilado na França, como Picasso, Eugênio Arias cortou o cabelo do pintor por muito tempo, o acompanhava às touradas e aos cafés. Em agradecimento, e por amizade, Picasso lhe presenteava com desenhos, pinturas e cerâmicas. Ao morrer, Eugênio Arias só fez uma ressalva: as obras doadas ao Estado teriam que ser reunidas em um museu que seria aberto na sua cidade natal. O desejo foi cumprido e em 1985 o museu foi inaugurado. Obrigada, Eugênio!

DSC04477

“Para meu amigo Arias. Ass: Picasso” Presentinho bom, não?

Pois foi nesse espírito de conhecer o “museu do barbeiro do Picasso” que fui visitar Butraigo de Lozoya, em 2012. Os padroeiros dos viajantes – eles existem! – conspiraram para que eu escolhesse a mesma data da Feira Medieval de Butraigo del Lozoya. Lindo, não? Foi bom, porque a cidade é pequena e não teria muito o que fazer e o museu é maravilhoso, mas tambem não é muito grande.

Abaixo outros pontos turísticos desta cidade:

Muralha medieval

No tempo dos muçulmanos, Buitrago servia para resguardar o território das investidas dos cristãos e para isso tiveram que construir uma grande muralha como era usual naqueles tempos. A cidade foi reconquistada pelos cristãos e se transformou em um Senhorio e a terra pertencia aos duques do Infantado. O castelo ainda conseva alguns aposentos, mas foi reduzido para dar lugar a praça de touros e outras edificações.

DSC04544

Por sua vez, a muralha, é considerada a mais conservada da comunidade de Madri. São 800 metros de pedra e torres que completavam a defesa da cidade junto ao rio Lozoya. Segundo as pesquisas, a muralha teria sido levantada pelos muçulmanos e ampliada pelos cristãos. É permitido caminhar na muralha e em algumas dessas torres há réplicas das armas usadas antanho. Assim é possível imaginar exatamente como deveria ser uma batalha na Idade Média in loco.

Feira Medieval

Para promover o turismo alguns prefeitos valorizam o passado de suas localidades e promovem a festa Medieval. Barracas de alimentos, artesanato, atrações diversas e muito mais acontecem nas cidades que tem o privilégio de terem conhecido seu auge no medievo. Os espetáculos também são “da época” como apresentações de bufões e demonstraçóes de aves de rapina. A festa de Buitrago promove também concurso de melhor caracterização medieval onde as crianças (e muitos adultos) aproveitam para se fantasiar de antigamente.

DSC04497

Igreja de Santa Maria do Castelo

Este templo tem uma história bastante curiosa. Apesar de estar ali desde 1321, o interior foi totalmente reconstruído devido a um incêndio sofrido em 1936. Assim, temos uma igreja antiga por fora e nova por dentro (a foto que abre o post é de lá). Para homenagear as três culturas de Buitrago del Lozoya, o teto é em estilo mudejar, as pinturas remetem aos mosaicos bizantinos e há um típico candelabro judeu de sete braços no altar principal.

Buitrago del Lozoya – 74km de Madri

A cidade está tão perto de Madri que dá para ir de ônibus comum. Saída na Plaza de Castilla, metrô Plaza de Castilla, L1, L9 e L10. O número do ônibus é 191. A passagem custa 5,08 euros e a viagem dura 1.20 a 1.40h.

Museu Picasso – coleção Eugênio Arias

Entrada gratuita

Plaza de Picasso, 1

De terça a sexta: de 11:00 a 13:45 e de 16:00 a 18:00 h.
Sábado: de 10:00 a 14:00 e de 16:00 a 19:00 horas.
Domingos e feriados: de 10:00 a 14:00 horas.

Feira Medieval

A data é móvel, mas normalmente acontece em algum fim de semana no mês de setembro. Em 2015, a festa ocorre dias 4,5 e 6 de setembro.


Compartilhe |


0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Copyright © 2013 Rumo a Madrid

Criação e desenvolvimento Guttdesign

Follow

Get every new post delivered to your Inbox

Join other followers