Caños del Peral

(post em 07/01/2014)


DSC03069Na estação Ópera, entre a Porta do Sol e o palácio Real, é guardado um inusitado tesouro: os restos arqueológicos dos antigos aquedutos e fontes que abasteciam a população madrilenha. Afinal, esta modernidade de água nas casas é uma invenção recente. Deste modo estão exibidas partes que constituíam a “Fuente de los Caños del Peral”, o “Acueducto de Amaniel” e a “Alcantarilla del Arenal”.

“Caños” pode ser traduzido por canos e “peral” é simplesmente uma pereira e assim temos “A fonte dos canos da pereira”. Projetada no séc. 16, na verdade, suas origens datam desde a ocupação dos árabes na cidade quando se construiu o primeiro canal para abastecer a cidade, o mencionado “Aqueduto de Amaniel”. Também ali estavam localizadas os canos onde a população podia buscar e abastecer-se de água.

O melhor dessa história aconteceu anos depois quando ela deixou de servir à cidade. Sem ter sido destruída ou desmontada, a fonte e seus canos foram soterrados e desta maneira preservado para as gerações futuras. Século mais tarde quando fizeram a estação de metrô Ópera “descobriram” ali um tesouro arqueológico sem precedentes: o antigo caminho da distribuição de águas da cidade.

Além de ver ao vivo e a cores, ainda há vídeos explicativos contando o caminho das águas até a população, a expansão urbana da capital espanhola e um pouco da rotina da época. Igualmente é mostrado como foram as obras de restauração e acondicionamento do novo museu. Para visitar e conhecer a história de Madri de outro ângulo basta usar sua passagem de metrô.

Quando? Sexta, sábado e domingos, de 11:00 a 13:00 y de 17:00 a 19:00 horas
Quanto? Gratuito (utilizando o tiquete do metrô).

Onde ? Estação de Metrô Ópera


Compartilhe |


0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Copyright © 2013 Rumo a Madrid

Criação e desenvolvimento Guttdesign

Follow

Get every new post delivered to your Inbox

Join other followers