Museu Romântico

(post em 24/10/2013)


O século 19 foi bastante movimentado na Espanha. Começa com a invasão napoleônica, passa pela independência das colônias americanas e, posteriormente, sete anos de guerra civil. Afinal, subiu ao trono Isabel II (1843-1868) e seu tio, Carlos, não aceitou a ascensão de uma mulher ao trono e desencadeou a disputa. Essa corrente “carlista” ao trono espanhol existe até hoje e vez por outra reivindica seus direitos.

E como viviam os burgueses e nobres espanhóis no meio dessa turbulência? Basta visitar o museu Romântico para saber. A intenção deste museu é recriar os ambientes de uma casa deste século e não apenas expor seu acervo. Lá estão quartos, salas de estar com piano e salas de jogos infantis com numerosos brinquedos da época. Também quadros com cenas da vida familiar lado ao lado com a fotografia que despontava naquele século.

03_04_2016_09_24_53

Além disso, o museu recria ambientes de uma casa abastada burguesa como a sala de jantar com o serviço completo (foto da abertura), o quarto de uma mãe de família com direito ao bercinho ao lado e o quarto de um homem com sua roupa na cama e apetrechos para fazer a barba.

DSC07563

Ao longo das salas podemos encontrar um móvel inspensável nas “boas famílias” daquela época: o piano. Instrumento essencial para a educação das mocinhas, mas também para alegrar saraus e bailes, os pianos estão ali em vários formatos: de calda, armário, com apenas um teclado de cinco oitavas. Vale a pena ficar brincando de encontrar todos os pianos do museu! (Em tempo: ali também existe uma sala de concerto que promove recitais gratuitos todos os meses).

03_04_2016_09_21_19

O museu fica num edifício construído em 1776 e foi lar de vários nobres até chegar a sua atual denominação em 1924. Além de desfrutar de belas obras de arte, ainda é possível tomar um café em um jardim acolhedor. Vale a visita!

Dica para 2016: o Teatro Real vai expor alguns figurinos de suas produções ao longo do ano como parte das comemorações dos 200 anos do teatro.


Onde? Calle San Mateo, 13. Metrô: Tribunal (L1,L10) ou Alonso Martinez (L4, L5 e L10).

Horário de inverno (de 1 de novembro a 30 de abril)

De terça a sábado: de 9:30 a 18:30

Domingos e feriados: de 10:00 a 15:00

Horário de verão (de 1 de maio ao 31 de outubro)

De terça a sábado: de 9:30 a 28:30

Domingos e feriados: de 10:00 a 15:00


Quanto?

Entrada geral: 3 €

Entrada reduzida: 1,50 €

Entrada gratuita Sábados a partir de las 14:00 horas


Compartilhe |


1 Comentário

Deixe o seu comentário!

Copyright © 2013 Rumo a Madrid

Criação e desenvolvimento Guttdesign

Follow

Get every new post delivered to your Inbox

Join other followers